Dados do município/localização

Fundação: 15/01/1853
Emancipação Política: 15 DE JANEIRO DE 1853
Gentílico: MOMBACENSE
Unidade Federatíva: CE
Mesoregião: SERTÕES CEARENSES
Microregião: SERTÃO DE SENADOR POMPEU
Distância para a capital: 2.961,00

Dados de características geográficas

Área: 2.119.462,00
População estimada: 44060
Densidade: 20,80
Altitude 243
Clima: TROPICAL QUENTE SEMI-ÁRIDO COM CHUVAS DE JANEIRO A ABRIL
Fuso Horário: UTC-3

Origem

Com a criação da freguesia em 6 de setembro de 1832, desmembrado o seu território da antiga freguesia de Santo Antônio de Quixeramobim, o distrito passou a ser chamado de freguesia de Nossa Senhora da Glória de Mombaça, compreendendo os territórios dos atuais municípios de Mombaça, Pedra Branca, Senador Pompeu e Piquet Carneiro. Depois, com a elevação a município, em 27 de novembro de 1851, conforme Resolução nº 555, batizaram o novo município com o nome de Maria Pereira, em uma homenagem à antiga proprietária da fazenda de mesmo nome. Em 9 de julho de 1892, pelo decreto nº 69, o nome do município foi mudado para Benjamin Constant, voltando a denominar-se Maria Pereira em 21 de setembro de 1918, através da Lei nº 1565. Todavia, havia uma tradição mais livre, pois o povo, apesar de reconhecer Maria Pereira, como fundadora do lugar, sempre chamou a esta terra de Mombaça, topônimo legado pelos portugueses e que foi sempre o da primitiva povoação. E assim, atendendo a este fato, como a estudos históricos também dos filhos desta região, o Decreto-Lei nº 1114, de 30 de dezembro de 1943 fez voltar o topônimo a sua mais antiga denominação de Mombaça.

História

Em 1832, Mombaça já figurava como distrito quixeramobinense, ainda com o antigo nome de Maria Pereira. Em 1851 foi desmembrada de Quixeramobim, ao ser elevada à categoria de vila. Em 1853 foi emancipada com a instalação da vila e a posse da sua primeira Câmara Municipal que fora eleita em novembro de 1852. Em 1892 Maria Pereira mudou o nome para Benjamim Constant, mas em 1918 volta a se chamar Maria Pereira. Em 1925 foi elevada à categoria de cidade. Em 1931, Maria Pereira foi rebaixada a distrito pompeuense. Em 1933 Maria Pereira se emancipou de Senador Pompeu, voltando à condição de município. O Decreto nº 1.156, de 4 de dezembro de 1933, que dividiu administrativamente o Estado do Ceará em 66 (sessenta e seis) municípios, formou o município de Maria Pereira com os distritos de Maria Pereira (sede), Mosquitos, Catolé e Marruás. O coronel Felipe Moreira Lima, Interventor Federal no Estado do Ceará, considerando que o Decreto nº 1.156 apresentava falhas no que diz respeito aos municípios de Maria Pereira e Tauá, fez alterações por meio do Decreto nº 1.404, de 13 de dezembro de 1934, substituindo no art. 2º do Decreto nº 1.156, de 4 de dezembro de 1933, na parte relativa ao município de Maria Pereira a palavra "Marruás" por Carnaúbas e acrescentando-se ao mesmo artigo na parte referente ao município de Tauá a palavra "Marruás". Em 1938 Mosquitos foi rebaixado de distrito a simples povoado. Em 1943 Maria Pereira mudou o nome para Mombaça. Em 1951 é criado o distrito de Boa Vista por meio da Lei nº 1.153, de 22 de novembro de 1951 (publicada no Diário Oficial do Estado do Ceará nº 5.364, caderno 11, página 1, de 01/03/1952). Em 1963, Boa Vista, Catolé e Carnaúbas se emancipam de Mombaça, e no mesmo ano, são criados 3 distritos: Cangati, São Gonçalo do Umari e São Vicente. Em 1965 Mombaça anexou o território dos extintos municípios de Boa Vista, Catolé e Carnaúbas (todos foram rebaixados a distritos mombacenses). Em 1989 é criado mais um distrito: Manoel Correia através da Lei Municipal nº 257/90, de 25 de agosto de 1990. Em 1998 é criado outro distrito: Açudinho dos Costas, através da Lei Municipal nº 380/98, de 16 de maio de 1998. Em 1999 mais dois distritos são criados: Cipó, através da Lei Municipal nº 398/99, de 11 de setembro de 1999, e Cacimbas, através da Lei Municipal nº 408/99, de 25 de setembro de 1999. Em 2004 foi criado o distrito de Nova União através da Lei Municipal nº 476/04, de 13 de março de 2004. A Lei Municipal nº 763/2014, de 16 de junho de 2014, alterou a denominação e a sede do distrito de São Gonçalo do Umari para Morada Nova.[7]

Cultura

Manifestações Culturais: Capoeira, Teatro Infantil, Artesanato, Violeiros Eventos Fixos / Feriados Municipais: 27 de junho, Festa de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro (Lei Municipal nº 693/2013, de 25/02/2013). Festa da Padroeira: 15 de agosto, Festa de Nossa Senhora da Glória (Lei Municipal nº 77/78, de 05/06/1978) Festa do Município: 27 de novembro, Dia da Criação do Município, em comemoração à sua fundação (Lei Municipal nº 735/2013, de 03/12/2013)

Divisão Política

O município encontra-se atualmente dividido em 12 distritos denominados: Açudinho dos Costas, Boa Vista, Cacimbas, Cangati, Carnaúbas, Catolé, Cipó, Manoel Correia, Mombaça (sede), Morada Nova, Nova União e São Vicente. Os distritos representam papel fundamental para as áreas de entorno, pois o território de Mombaça é muito extenso, sendo, portanto, estes distritos, pontos de concentração de alguns serviços essenciais tais como postos de saúde e grupos escolares.

Curiosidades

Localização : Zona fisiográfica do Sertão Central Vias de Acesso: CE-060, CE- 359 e BR- 116 Limites: Norte: Pedra Branca e Senador Pompeu Leste: Senador Pompeu e Piquet Carneiro Sul: Acopiara e Arneiroz Oeste: Tauá Distritos: Açudinho dos Costas, Boa Vista, Cacimbas, Cangati, Carnaúbas, Catolé, Cipó, Manoel Correia, Mombaça (distrito-sede), Morada Nova, Nova União e São Vicente. Período Chuvoso: Janeiro a Abril Temperatura Média: 26° a 28º Vegetação: Caatinga Arbustiva Densa, Floresta, Caducifólia Espinhosa, Floresta, Subcaducifólia Tropical Pluvial. Solos: Brunizem Avermelhado, Bruno não Cálcico, Solos Litólicos, Podzólico Vermelho-Amarelo. Relevo: Depressões sertanejas e maciços residuais Acidentes Geográficos: Rio Banabuiú, Riachos Curió, Serrote, João Alves, Cacodé, Catolé, Cangati e das Flores. Açude Boa Vista. Destaca-se a construção do açude Serafim Dias, que é responsável pelo abastecimento de água da cidade. Fatores de Desenvolvimento Econômico: Sua principal fonte de renda é a agricultura, destacando-se também a apicultura (criação de abelhas), que nos últimos anos vem alcançando elevados índices de extração do mel, chegando o mesmo a ser exportado para diversos países da Europa.

Qual o seu nível de satisfação com essa página?


Muito insatisfeito

Um pouco insatisfeito

Neutro

Um pouco satisfeito

Muito satisfeito